Electronic Team uses cookies to personalize your experience on our website. By continuing to use this site, you agree to our cookie policy. Click here to learn more.

USB via Wi-Fi: Como Criar Conexões USB Sem Fio

Editorial Team Editorial Team Dec 25, 2023

Bem-vindo ao nosso guia sobre USB sem fio! Tem todas as informações necessárias para conectar e usar seus dispositivos através da rede Wi-Fi. Aqui estão algumas perguntas que você pode ter ao começar:

  • Como tornar um dispositivo USB sem fio?
  • Quais são as técnicas para transmitir USB via Wi-Fi?
  • Como compartilhar um dispositivo USB através de uma rede Wi-Fi?
  • Qual é a melhor solução USB via Wi-Fi: hardware ou software?

O design compacto da interface USB é ideal para vários dispositivos como mouses, computadores, scanners e discos rígidos externos. Ele também possui um recurso plug-and-play que facilita a conexão dos dispositivos. Isso significa que você pode movê-lo e conectá-lo a outro computador com facilidade.

No entanto, às vezes o compartilhamento físico do equipamento não é suficiente, fazendo com que os usuários mudem para USB via Wi-Fi. Pode ser problemático trocar cabos, e uma bagunça de cabos pode tornar os processos de trabalho menos eficientes.

Este guia abrangente discutirá quatro abordagens fáceis para desenvolver uma ponte USB sem fio para ajudá-lo a usar dispositivos USB sem estabelecer uma conexão física com o computador receptor.

Converter Dispositivo USB para Sem Fio

Optar por soluções de hardware pode ser seu primeiro pensamento ao converter dispositivos USB para funcionalidade sem fio. Então, vamos olhar primeiro para estas opções de hardware.

Adaptador USB para Bluetooth

O adaptador USB para Bluetooth é uma das estratégias mais básicas para completar uma transferência USB sem fio. Você só precisa conectar um pequeno adaptador USB à porta USB do seu computador. O adaptador instalará automaticamente os drivers de software necessários no seu PC. Após a ativação, seu dispositivo sem fio se conectará ao adaptador USB via Bluetooth. Em seguida, o adaptador se conecta ao computador e simplifica a transferência de comandos do dispositivo principal.

No entanto, lembre-se de que existem restrições de distância nesta conexão, e elas dependem da versão do Bluetooth que você utiliza. Geralmente, você pode colocar dois dispositivos a mais de 5 a 7 metros (20 pés) de distância. Além disso, você pode precisar de uma porta USB livre no seu PC ao realizar este método. Muitos dispositivos USB2BT têm uma bateria interna que pode durar várias horas ou até dias antes de precisar ser recarregada. Eles também incluem manuais contendo detalhes essenciais sobre o processo de conexão e carregamento.

Cabo USB Sem Fio

A autenticação do conceito de "cabo" sem fio é uma preocupação comum entre os usuários. Quando usam o termo "cabo USB sem fio", geralmente se referem a algo assim:

  • Uma ponte USB via Wi-Fi se conecta a um computador.
  • Esta conexão transforma a saída USB em um sinal sem fio.
  • Um adaptador USB secundário em um dispositivo acoplável recebe este sinal sem fio.
  • A ponte secundária reconverte o sinal sem fio em uma entrada USB e transfere esses dados para o dispositivo acoplável.

Geralmente, é a mesma conexão USB sem fio, mas alguns passos extras são necessários. Em ambos os cenários, os plugs USB se comunicam com outro dispositivo — seja um equipamento diferente ou outro plug USB — através de sinais Bluetooth.

NOTA:

Essas duas opções eram populares no passado, mas possuem falhas significativas que as tornam ineficazes para uso atual, tais como:
• desempenho limitado
• alcances de eficácia curtos
• alta latência
• desconexões regulares
• falta de suporte para sistemas operacionais modernos
• conexão lenta devido a um sinal fraco

Esta antiga opção USB-over-WiFi exigia fornecimentos de energia consistentes, já que os USBs frequentemente precisam fornecer energia ao dispositivo conectado. A próxima parte deste guia mostrará como estabelecer uma ponte USB via Wi-Fi.

Explorando Soluções de Software para USB via Wi-Fi

Diversas opções de software para converter dispositivos USB em sem fio estão disponíveis no mercado. Continue lendo se você está procurando maneiras simples de transmitir USB sem fio sem precisar de hardware extra ou limpar cabos emaranhados.

Essas soluções são ideais para conectar dispositivos USB através de um segundo PC como intermediário, em vez de fios. Eles também dependem de software USB via Wi-Fi.
Vamos dar uma olhada em algumas dessas opções de software:

Faça uma conexão USB sem fio com o USB Network Gate

Estas soluções de software ajudam a desenvolver conexões USB sem fio. Assim, você pode tornar seus dispositivos USB acessíveis a qualquer máquina conectada à rede. Você também pode compartilhar seu equipamento com usuários remotos em qualquer lugar do mundo. O USB Network Gate, por exemplo, permite que os usuários acessem um dispositivo de uma vez sem hardware ou cabos adicionais.

Experimente o software USB over WiFi agora
Conecte até 10 dispositivos!

Três passos simples para fazer dispositivos USB sem fio:

1
Instale o USB Network Gate em todos os computadores que vão participar da conexão. Ou seja, em um servidor onde um dispositivo USB estará fisicamente presente e em clientes que você vai acessar USB via Wi-Fi.
 Baixe o USB Network Gate
2
Conecte o dispositivo USB a um computador servidor e compartilhe-o usando o USB Network Gate.
 Compartilhe dispositivo USB na rede wifi
3
Conecte-se ao dispositivo compartilhado de qualquer computador cliente via rede Wi-Fi. Após isso, o dispositivo compartilhado no servidor aparecerá no Gerenciador de Dispositivos do cliente remoto e todos os programas tratarão este dispositivo como se estivesse diretamente conectado a ele.
 Conecte-se ao dispositivo USB compartilhado
ung
Conecte qualquer dispositivo sem fio com soluções USB Network Gate.

Compartilhe USB via Wi-Fi com FlexiHub

FlexiHub é outra opção de software que oferece um método simplificado para compartilhar dispositivos USB via Wi-Fi. É uma ferramenta flexível para conectar e compartilhar diferentes dispositivos USB, incluindo discos rígidos, impressoras, scanners e dongles USB. Além disso, o FlexiHub pode transformar seu espaço de trabalho em uma espécie de hub USB baseado em software, pois elimina os cabos emaranhados ao redor do seu computador.

Como conectar dispositivos USB sem fio com o FlexiHub

1
Acesse o site do FlexiHub e crie uma conta gratuitamente. Ative o modo de demonstração se precisar expandir USB via Wi-Fi.
 Baixar Flexihub
2
Baixe e instale o aplicativo FlexiHub em todos os PCs envolvidos na conexão. Essas máquinas atuarão como hubs USB Wi-Fi.
3
Abra o aplicativo nos computadores locais e remotos e faça login na sua conta.
 Iniciar uma demonstração do Flexihub
4
No PC remoto, acesse a lista de dispositivos conectados. Em seguida, procure pelo dispositivo USB escolhido e clique no botão “Conectar” ao lado dele.
 Compartilhar dispositivo USB via Wi-Fi

Seguindo esses passos, todos os usuários com a mesma conta FlexiHub podem acessar seus periféricos USB sem fio.

Qual é a melhor solução USB-over-Wi-Fi: hardware ou software?

A tecnologia de ponte USB via Wi-Fi abre novas possibilidades para indivíduos e empresas. Ela também tem vários benefícios cruciais, incluindo os seguintes:

Flexibilidade Avançada Oferece Acesso Remoto a Dispositivos USB
Em comparação com soluções físicas, as opções de software USB via WiFi frequentemente oferecem uma gama muito mais ampla de compatibilidade com dispositivos. Você pode facilmente aplicar um método de USB via rede sem fio em qualquer dispositivo, incluindo tablets, scanners, impressoras 3D e mais.
Você pode conectá-los em apenas minutos, ao contrário de uma conexão analógica com fio, que pode exigir mais tempo e esforço.

Facilidade de Instalação
Você pode configurar facilmente um USB via rede sem fio no aplicativo. Basta seguir as instruções na tela. Ao contrário, as conexões com fio analógicas são mais complexas e frequentemente necessitam de mais conhecimento técnico.

Escalabilidade
Você pode escalar as opções de software para se adequar à condição atual da sua rede, seja em crescimento ou declínio. Você pode modificar o estado da sua rede com apenas alguns cliques.
Ajustar equipamentos físicos pode ser mais exigente. Você pode ter que comprar hubs USB extras e, às vezes, estações de carregamento móveis para alimentar seus dispositivos conectados.

Acesso Remoto
Geralmente, o software USB via wireless fornece acesso remoto a dispositivos USB. Isso significa que os usuários podem acessar e usar periféricos USB com uma conexão à internet, independentemente da localização geográfica. Algo que pode não ser possível com soluções de hardware.

Atualizações e Manutenção
As atualizações são mais simples para soluções baseadas em software. Os desenvolvedores frequentemente lançam atualizações e correções de bugs para garantir que seus aplicativos funcionem em dispositivos antigos e novos.
Por outro lado, as soluções físicas exigem mais manutenção manual, onde cada peça de hardware precisa ser atualizada separadamente.

Sem Dependência de Hardware Físico
As soluções de hardware dependem de partes tangíveis que se deterioram com o tempo. Enquanto isso, o software USB via wireless apenas requer atualizações regulares. Você não precisa mudar componentes físicos com essas soluções wireless.

Compatibilidade entre Sistemas Operacionais
Uma variedade de sistemas operacionais são compatíveis com soluções baseadas em software para conexões USB sem fio. Isso inclui plataformas de desktop tradicionais como Windows e macOS, além de mais especializadas como Android, iOS, Linux e ChromeOS. Quanto às opções de hardware, elas dependem mais de certos elementos de software.

Suporte à Virtualização
As opções de software USB via rede sem fio apresentam interfaces que são principalmente compatíveis com máquinas virtuais. Em contraste, criar um ambiente virtual para pacotes de hardware é mais desafiador, pois cada caso é único.

Recursos de Segurança Aprimorados
Recursos de segurança avançados, como criptografia e autenticação de dois fatores, estão disponíveis em várias aplicações USB via Wi-Fi. Por outro lado, as soluções baseadas em hardware normalmente têm protocolos de segurança menos inovadores.

logo USB Network Gate
#1 at Redes
USB Network Gate
Compartilhar USB via Ethernet no Windows
4.7 classificação baseado em 372 + usuários